terça-feira, 23 de setembro de 2008

É por isso

Opções

Não sei se este encanto me vai encantar
nem sei se esta noite vai ser de luar,
mas sei que este sonho faz parte de mim
porque leva presa a canseira do sim.

Eu sei que há estradas, caminhos, carreiros...
Eu sei que se nega por trinta dinheiros...
Mas, para ser eu, preciso de ser
a loucura do sonho que alenta o viver.

Talvez amanhã eu acorde cansado
com marcas no rosto, por ter tropeçado,
de olhar parado, de alma insegura.
O risco faz parte da mesma aventura.

Mas vale o momento em que creio e em que faço
da vida um projecto que quero e abraço;
e, mesmo que um dia me sinta falhado,
já salvei a vida só por ter sonhado.

Não serve p'ra vida quem não quer sair
dos medos de si, de falhar, de cair.
É que nunca falha quem nunca arriscou
e jamais se levanta quem nunca tombou.

José d'Almansor in Cronicas do Benim.

49 dias de ansiedade, de saudade, de preocupação, de sonhos, cartas e telefonemas, de sorrisos, de lágrimas, de esperança, de desespero, de confiança, de insegurança, tudo alternado ou ao mesmo tempo. Mas a constante e aquilo que realmente importa, é que foram 49 dias de orgulho.
Faltam só 13.

2 comentários:

Tsuki disse...

força

Anónimo disse...

Olá, olá.
Que saudades que tenho tuas e dos nossos tempos de colónia...
Sei bem o que isso é... agora imagina 130 dias longe de tudo e de todos aqueles que gostamos e, principalmente, do namorado. Mas no fim, a experiência é sempre muito positiva e fortalece sempre uma relação.
Boa sorte e muita força.
Vais ver que 13 dias passam a voar. :D
Mil beijocas,
sofia